HOME MISSÃO E VISÃO DIRETORIA FALE COM A GENTE PARCERIAS LINKS 
domingo, Jundiaí 26 de junho 2022 Busca no site   
ÁREA RESTRITA
LOGIN/SENHA
 
BENEFÍCIOS
 
DÚVIDAS TRABALHISTAS
 
HOMOLOGAÇÃO
 
CONVENÇÕES COLETIVAS
 
JORNAL DO COMERCIÁRIO

 
Sindicato dos Comerciários de Jundiaí protesta contra juros altos na Av. Paulista

Ato das Centrais Sindicais reuniu dirigentes em frente ao Banco Central

Na manhã desta terça-feira, 14, dirigentes das centrais sindicais Força Sindical, CUT, UGT, CTB e Nova Central realizaram uma manifestação em frente ao prédio do Banco Central, na Avenida Paulista, SP, para protestar contra os juros altos, a carestia e a inflação, problemas econômicos que, segundo as entidades, não estão recebendo a devida atenção por parte dos governantes. Além do Sincomerciários de Jundiaí e Região, estavam presentes diversos sindicatos filiados às Centrais.

O presidente da Força Sindical, Miguel Torres, representado na ocasião pelo secretário-geral da Central, João Carlos Gonçalves, o Juruna, reforça a importância do ato: “É importante alertar a sociedade sobre a perversa situação que o Brasil atravessa, principalmente os menos favorecidos economicamente”.

Milton de Araújo, presidente do Sindicato de Jundiaí, disse que “também é papel dos Sindicatos estarem atentos aos problemas que afetam não apenas os trabalhadores, mas a população de uma forma geral, além de reivindicar saídas. Seja como for, não podemos nos calar”, alerta o dirigente.

Ontem e hoje o Copom (Comitê de Política Econômica), ligado ao Banco Central, se reúne para decidir sobre aumento na taxa de juros (Taxa Selic), atualmente em 12,75% a.a. A decisão sobre a Selic será anunciada nesta quarta, 15, após às 18h.

Fonte: Portal de notícias da Força Sindical e Banco Central

 

Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE
HOME
 
MISSÃO E VISÃO
 
DIRETORIA
 
FALE COM A GENTE
 
PARCERIAS
 
LINKS
Sindicato dos Empregados no Comércio de Jundiaí e Região - Rua Prudente de Moraes nº 377 - Centro - Jundiaí - Tel.: (11) 4588-2322