HOME MISSÃO E VISÃO DIRETORIA FALE COM A GENTE PARCERIAS LINKS 
sábado, Jundiaí 16 de dezembro 2017 Busca no site   
ÁREA RESTRITA
LOGIN/SENHA
 
BENEFÍCIOS
 
DÚVIDAS TRABALHISTAS
 
HOMOLOGAÇÃO
 
CONVENÇÕES COLETIVAS
 
JORNAL DO COMERCIÁRIO

 
Protesto contra Reforma da Previdência

Ato de protesto contra a Reforma da Previdência marcou o aniversário de São Paulo, na manhã desta quarta-feira (26). Realizado pela Força Sindical e pelo Sindicato Nacional dos Aposentados (Sindnapi), 30 mil pessoas, entre trabalhadores e aposentados, se concentraram na Rua do Carmo, região central de São Paulo, para demonstrar indignação com as propostas do governo de mudanças na aposentadoria.

Funcionários e diretores do Sincomerciários de Jundiaí e Região estiveram presentes para apoiar as reivindicações feitas e esclarecer as atuais alterações propostas pelo deputado federal e presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva.

No ato, em que também se comemorou o Dia Nacional do Aposentado, tradicionalmente festejado no dia 24 de Janeiro, 3 carros 0 km foram sorteados e o público pôde prestigiar os shows de Edson e Hudson, Rio Negro e Solimões e Paula Fernandes.

Em seu discurso, Paulinho agradeceu os sindicatos que colaboraram para a realização do ato e disse que há tempos não via uma “força e união” como aquela. Em relação à reforma da previdência, apresentada recentemente pelo governo, ele afirmou que a idade mínima de 65 anos é “desumana” já que, dependendo do estado do país, como o Piauí cuja expectativa de vida é 65 anos, o trabalhador não poderia desfrutar do benefício pelo qual pagou a vida toda.

Paulinho apresentou as propostas de modificações para a reforma da previdência, que apresentará no próximo dia 20 com outros deputados. Dentre as mudanças, defende-se a idade de 60 anos para os homens se aposentarem e 58 para as mulheres. Além disso, pretende-se garantir que a transição, para aqueles que estão perto de se aposentar, seja mais justa. As intenções do deputado foram votadas no momento de seu discurso e aprovadas com unanimidade.

O presidente do Sindnapi, Carlos Ortiz, disse que a união dos trabalhadores da ativa e dos aposentados é fundamental para demonstrar a força da população contra propostas que apenas retiram direitos e conquistas. Ortiz pontuou “vamos mostrar que com os nossos direitos não se brinca, não se mexe”. 

O vice-presidente do sindicato de Jundiaí, José Arruda, participou do ato e o definiu como “relevante” e “necessário”, uma vez que deu oportunidade aos presentes de entender melhor as propostas do governo e, mais uma vez, se unir contra qualquer retirada de direitos. “Nosso sindicato está atento e sempre atuante para mostrar a força dos sindicatos que não permitirão injustiças com os trabalhadores, especialmente os comerciários” ressaltou Arruda.

 
 Marlene, Zuleide, José Arruda, Caroline, Celina, Gislaine e Rita compuseram a equipe do Sincomerciários no ato

HOME
 
MISSÃO E VISÃO
 
DIRETORIA
 
FALE COM A GENTE
 
PARCERIAS
 
LINKS
Sindicato dos Empregados no Comércio de Jundiaí e Região - Rua Prudente de Moraes nº 377 - Centro - Jundiaí - Tel.: (11) 4588-2322